como-criar-um-perfil-corporativo-no-linkedin-1

LinkedIn é uma ferramenta que focaliza a comunicação e as competências no mercado

linkedinMuito mais que uma rede social, o LinkedIn é uma ferramenta multifuncional que focaliza a estrutura da rede de contatos, do conhecimento e das habilidades das pessoas, conectando, também, as empresas e seus respectivos serviços e necessidades, sendo a seleção e o recrutamento alguns dos serviços disponíveis. Logo, começo a resenha consertando um erro comum entre seus usuários, que, na maioria das vezes, estão em busca de uma oportunidade de trabalho ou emprego.

Ao contrário do Facebook e da maioria das redes sociais, o LinkedIn focaliza a produção intelectual e a publicação dos conteúdos diretamente ligados ao mercado de trabalho, tecnológico, financeiro, econômico e jurídico, cruzando as informações entre as organizações e os colaboradores, construindo uma infinita gama de informações, que auxiliam os usuários desde a gestão do conhecimento e da inovação até à prospecção dos novos negócios ou oportunidades corporativas.

O maior erro do usuário do Linkedin é achar que o simples fato de preencher o seu perfil já o deixará apto para se apresentar ao mercado e as empresas, quando, na realidade, o processo exigirá tempo, dedicação e o aperfeiçoamento do seu currículo, incluindo suas habilidades e conhecimento pessoal e profissional. Assim, o usuário do LinkedIn deverá construir sua rede de contatos, conquistando a confiança da mesma, para depois avançar um nível de cada vez.

linkedin-logoSe o seu objetivo é conhecer mais gente, aprender e deter mais informação do mercado e da atualidade, o LinkedIn é a rede certa para ti. Todavia, se o seu cadastro foi para construir o perfil, focalizando a candidatura às diversas vagas de emprego, sem suor e dedicação, terei que te aconselhar procurar os recrutadores de recursos humanos, também conhecidos como caça-talentos. Há uma diversidade enorme deste tipo de profissional no LinkedIn. O problema é que o seu perfil terá que ter um diferencial para que as janelas do mercado se alinhem à sua necessidade e ao tempo disponível, porque quem está desempregado tem pressa para a recolocação.

Por fim, independentemente de você estar empregado ou não, invista sempre em cursos de atualização, domine uma língua estrangeira pelo menos, além de produzir e compartilhar artigos sobre temas importantes e que tenham relevância organizacional. No mais, quanto mais gente você se conectar no LinkedIn, maiores serão suas chances na recolocação ou nas novas oportunidades no mercado, desde que consiga transmitir a confiança devida em si para o próximo. Lembre-se que fica difícil depositar a confiança em alguém, quando você não acredita em si mesmo.

Por Nadelson Costa Nogueira Junior

Consultor em Gestão de Pessoas

Comentários