P_20160414_121141_1_p

O Welington Doir faz parte dessa nova geração, que clama por mudança em Rio Bonito

No dia 31/05/2016, foi inaugurado o Posto de Saúde do Monteiro Lobato, com direito a banda, discurso e a presença das autoridades do Poder Executivo e Legislativo Municipal. Entretanto, quem estava no evento, percebia o óbvio e o inevitável: – A comunidade do bairro não estava presente, enquanto que as batidas das palmas saiam dos assessores e dos contratados do governo. Mas, a pior parte do evento foi quando a prefeita, Solange Pereira de Almeida, fez referência aos vereadores, ignorando, literalmente, as lideranças atuantes do Monteiro Lobato, incluindo o Welington Doir, que se entregou à luta pela localidade, por amor ao bairro e ao Município de Rio Bonito.

Enquanto os políticos profissionais estão escondidos em suas fortalezas, ausentes na sociedade que deveriam representar e defender, observo que os idealistas e entusiastas estão ocupando o espaço abandonado por ora, apresentando suas ideias, críticas ao sistema e propostas, apertando a mão, dando abraço e olhando nos olhos do cidadão e do eleitor.

Enquanto que o vereador eleito, ainda, não fez sua visita agendada de quatro em quatro anos nas comunidades, a nova geração demonstra que quer ter a oportunidade de representa-los, trabalhando da forma certa e necessária para o município de Rio Bonito.

Essa nova geração de pré-candidatos ao Poder Legislativo quer justiça social, auditoria nas contas e nos serviços públicos, além de humanizar o contato com a sociedade e com o cidadão, incentivando os conselhos municipais, as associações de moradores e os sindicatos.

Há um ponto muito interessante em todo processo da renovação na Câmara Municipal de Rio Bonito para 2016, tendo em vista que os pré-candidatos estão com sede de transparência e racionalização na máquina pública, evitando as associações com os pré-candidatos ao cargo de prefeito propositalmente.

O nome do pré-candidato, WELINGTON DOIR, está sendo mencionado nas comunidades do interior, que tenho tido a oportunidade de visitar, por minhas andanças nos finais de semana. Todavia, o nome do pré-candidato tem demonstrado sua propagação espontânea na Praça Cruzeiro, Ipê, Monteiro Lobato, Olarias, Caixa D`água, Serra do Sambê, Rio Vermelho, Sambê, Parque das Acácias e Parque Indiano, cujos dois últimos são redutos estratégicos do vereador Reis, atual presidente da Câmara Municipal.

Acho importante o fato de ver parte das comunidades mencionando novos nomes para as próximas eleições, por livre e espontânea vontade, quando a política nacional está exposta diante da opinião pública, principalmente, por causa dos crimes de responsabilidade e da corrupção.

Por fim, quando olho para essa nova geração dos pré-candidatos ao Legislativo, com suas propostas e modelos de governabilidade, fico fascinado, porque isso renova minha esperança como cidadão e eleitor. Entretanto, o Welington Doir tem uma singularidade nesse momento, porque ele é e sempre foi do povo, lutando por sua comunidade no Monteiro Lobato e adjacências. Simplesmente, a janela da popularidade se abriu esse ano, somando-se aos acontecimentos e reivindicações do momento. Acho que o Doir está preparado para ingressar na carreira política. Todavia, o maior inimigo dele e de toda essa geração, que clama pela renovação, é o próprio eleitor, que poderá se iludir com a compra do voto.

 

Por Nadelson Costa Nogueira Junior

Comentários